O Núcleo Natal do Observatório das Metrópoles foi criado no início dos anos 2000 e hoje é sediado no Departamento de Políticas Públicas (DPP) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), sob a coordenação de Maria do Livramento Miranda Clementino.

Para o projeto “Reforma Urbana e Direito à Cidade: desafios para o desenvolvimento nacional”, com organização de Alexsandro Ferreira Cardoso da Silva e Maria do Livramento Miranda Clementino, participam 36 pesquisadores(as) vinculados ao núcleo.

Equipe

Alexsandro Ferreira Cardoso da Silva (Organização)
UFRN
Amíria Bezerra Brasil
UFRN
Ana Célia Baía Araújo
Colaboradora
Ana Vitória Araújo Fernandes
Colaboradora
Anna Clara Ferreira de Araújo
UFRN
Beatriz Tamaso Mioto
UFABC
Brunno Costa do Nascimento Silva
UFRN
Cadmiel Mergulhão Onofre de Melo
Colaborador
Edilza Paula Queiroz Alves
Colaboradora
Emanuel Ramos Cavalcanti
UFRN
Eric Mateus Soares Dias
UFRN
Érica Milena Carvalho Guimaraes Leôncio
UFRN
Gabriel Lucas Leodegário Silva
UFRN
Gabriel Rodrigues da Silva
UFF
Huda Andrade Silva de Lima
UNI-RN
Izabelly Cristina Mendes Tinôco
OM Núcleo Natal
Jaylan Marlon Ferreira de Macedo
UFRN
Juliana Bacelar de Araújo
UFRN
Larissa Kevinlyn Martins Marinho
UFRN
Lindijane de Souza Bento Almeida
UFRN
Marcos Adller de Almeida Nascimento
UFRN
Maria do Livramento Miranda Clementino (Coordenação/Organização)
UFRN
Maria Dulce Picanço Bentes Sobrinha
UFRN
Pedro Henrique Correia do Nascimento de Oliveira
Colaborador
Pollyana Karenine Campos de Andrade
UFRN
Raquel Maria da Costa Silveira
UFRN
Richardson Leonardi Moura da Câmara
UFRN
Rodolfo Finatti
UFRN
Rodrigo Silva
UFRN
Ruth Maria da Costa Ataíde
UFRN
Rylanneive Leonardo Pontes Teixeira
UFRN
Sarah de Andrade e Andrade
UFRN
Saulo Matheus de Oliveira Lima Cavalcante
UFRN
Terezinha Cabral de Albuquerque Neta Barros
UERN
Yonara Claudia dos Santos
UFRN
Zoraide Souza Pessoa
UFRN
 
  • Região Metropolitana de Natal

    A Região Metropolitana de Natal completou, em 2022, vinte e cinco anos de formação. Neste tempo, ampliou sua base territorial de cinco para quinze municípios, abarcando 1,6 milhão de habitantes e concentrando grande parte do valor econômico do Rio Grande do Norte ao mesmo tempo que, de modo indissociável, os maiores desafios urbanos, ambientais e sociais. Neste livro, pretendemos trazer o mais recente pensamento, análise e crítica do Núcleo Natal sobre este território, observando os fatores estruturais que mantêm os desafios em aberto, assim como convidar ao leitor a pensar os novos desafios gerados pela complexa conjuntura política e econômica pela qual atravessa o nordeste e o Brasil. É, desse modo, não apenas uma atualização do quadro metropolitano, mas um chamamento a imaginarmos (a partir do olhar acadêmico) saídas às crises que se avolumam no horizonte.

    Começamos refletindo sobre a desigualdade socioespacial e o quadro de retrocesso nas políticas urbanas, especialmente àquelas destinadas a atender a classe trabalhadora – mobilidade urbana, moradia e serviços urbanos. Discutimos na sequência a governança envolvida na capacidade de resolver tais problemas, ao mesmo tempo em que são contingenciados por um “regime urbano” voltado ao crescimento econômico. Discutimos a revisão do Plano Diretor, os conflitos envolvidos na participação social e o papel que os movimentos sociais urbanos. Investigamos também as capacidades estatais, seja na compreensão dos seus efeitos no Planejamento Estratégico da RMNatal  e analisando a burocracia governativa em seus instrumentos de gestão. Na Economia Política da RMNatal, abrimos duas janelas: uma para observar a situação fiscal e o investimento público; e outra, pela disparidade econômica em seus efeitos no mercado de trabalho. Por fim, identificamos os projetos de desenvolvimento urbano, dinâmica fundiária e a reestruturação física da Grande Natal sob influência do capital imobiliário.

    Organização: Alexsandro Ferreira Cardoso da Silva e Maria do Livramento Miranda Clementino

    Saiba mais sobre este livro